Tudo que você precisa saber para visitar Pisa

Pisa é uma cidade italiana localizada na região da Toscana um pouco mais de 1 hora de Florência. Nesse post vai encontrar Tudo que você precisa saber para visitar Pisa.

A cidade é muito famosa pela sua torre pendente (eu adorei ter a oportunidade de vê-la de pertinho). Muitos dizem que não tem nada lá e nem vale a pena gastar muito tempo na cidade. Se você só quer conhecer a torre e tirar uma foto, provável que realmente só precise de poucas horas.

Afinal dá para visitá-la facilmente saindo das estações de trem e do aeroporto da cidade.  Em poucos minutos você consegue chegar na praça, ver a torre e já partir para as cidades vizinhas como Lucca, Marina di Pisa ou San Miniato.

Pisa é muito mais que a torre pendente

Sim, a torre pode ser a principal atração turística da cidade, mas há outros pontos turísticos que valem muito a pena visitar. A torre está localizada na maravilhosa Piazza dei Miracoli que é Patrimônio Mundial da Unesco desde 1987. Não é para menos!! 

Lá também está a Catedral Santa Maria Assunta, o Batistério de San Giovanni (o maior do mundo), a Fontana dei Putti e o cemitério Camposanto. Com certeza tem uma importância única e deve ser preservada para as próximas gerações 😉

Nas redondezas também tem outros pontos turísticos conhecidos como o Palazzo dell’Orologio e a Torre della Fame na Piazza dei Cavalieri, assim como as igrejas San Zeno e Santa Catalina de Alejandria (lindas, por sinal).

Além disso, a cidade tem uma importância histórica para o país e tem importantes universidades, sendo uma delas uma das mais antigas da Itália e da Europa. Provável que você passe em frente de alguma universidade quando estiver por lá! 

Como chegar em Pisa?

Trem para Pisa saindo das principais cidades italianas

Lá tem duas estações de trem: Pisa Centrale e Pisa San Rossore. Eu preferi descer na estação Pisa San Rossore, por ser mais próxima da Piazza dei Miracoli (600 metros) e estar a apenas 5 minutos caminhando de lá.

Para chegar na Piazza dei Miracoli, é só pegar a saída Piazza Fancelli e continuar até a Via Andrea Pisano. Depois, virar a esquerda e seguir reto.

Os trens para a estação Pisa San Rossore não são tão frequentes, por isso muitas pessoas preferem descer na estação Pisa Centrale mesmo que seja um pouco mais distante (2 km da Piazza dei Miracoli).

São apenas 25 minutos andando, mas você também pode pegar táxi, ônibus ou trem (entre as duas estações, o bilhete custa € 1,50). Em frente a saída principal da estação, você pode pegar o ônibus 4 (descer na parada Piazza Arcivescovado) ou o Red Lam (parada Piazza Manin).

Se escolher andar até lá, precisará seguir na direção da Piazza Vittorio Emanuele que está bem em frente da estação Pisa Centrale. Depois, seguir até a Via Crispi e atravessar a Ponte Solferino para chegar na Via Roma. E aí é só ir reto até chegar a Piazza dei Miracoli.

Trem de Florença a Pisa

A passagem custa € 8,40 para qualquer uma das estações de Pisa e a viagem dura 1 hora e 20 minutos com o trem regionale da empresa Trenitalia.

Caso você compre para Pisa San Rossore, verá que terá alguns horários que o trem vai direto e outros que tem baldeação na estação Pisa Centrale. Aí vai de você escolher qual é a melhor opção 😉

Trem de Roma a Pisa

Para o trecho Roma -> Pisa, a companhia Trenitalia oferece 3 tipos de trem de alta velocidade: frecciarossa, frecciargento e frecciabianca. Para outros destinos, normalmente, o frecciarossa é a opção mais rápida, mas para Pisa o mais rápido é o frecciargento.

  • Frecciargento: trem direto saindo de Roma Termini para estação Pisa Centrale (2 horas)
  • Frecciabianca: trem direto saindo de Roma Termini para a estação Pisa Centrale (2 horas e 45 minutos).
  • Frecciarossa: trem saindo de Roma Termini para estação Pisa Centrale com baldeação em Florença (3 horas)

Outra opção é o trem Regionale Veloce (mais lento que os citados anteriormente) que também sai da estação Termini (Roma) e chega diretamente na estação Pisa Centrale em 4 horas.

Trem de Lucca a Pisa (qualquer uma das estações)

Para conhecer a famosa cidade de Lucca, você pode pegar o trem Regionale saindo de qualquer uma das estações de Pisa. O bilhete custa € 3,50 e a viagem dura entre 25 e 30 minutos.

Confira nosso post Dicas para viajar de trem pela Itália

Ônibus para Pisa saindo das principais cidades italianas

Os horários de ônibus dependem muito da antecedência da compra e do horário da viagem. Uma passagem de ônibus de Florença a Pisa pode custar € 5,00, € 7,90, € 9,90 ou € 11,90 com a mesma companhia de ônibus Flixbus. Outra companhia que oferece os trechos na região da Toscana é a empresa Baltour.

Ônibus de Florença a Pisa (+- 1 hora e 20 minutos)

  • Baltour: € 9
  • Flixbus: a partir de € 5 (De última hora pode ser € 9,90 ou € 11,90)

Ônibus de Roma a Pisa (+ de 5 horas)

  • Baltour: € 13
  • Flixbus: a partir de € 13,90. (De última hora pode ser € 9,90 ou € 11,90)

Ônibus de Lucca a Pisa (25 minutos)

  • Flixbus: a partir de € 5

Confira nosso post Dicas para viajar de ônibus pela Europa e o post Descubra a melhor forma de chegar a qualquer lugar da Europa com o aplicativo Go Euro.

Como chegar a Pisa Centrale saindo do Aeroporto de Pisa

O aeroporto Galileo Galilei está a 1 km da cidade de Pisa e há várias formas de chegar lá. O mais novo meio de transporte é o Pisa Mover (igual o que tem na cidade de Veneza) que foi inaugurado em março de 2017.

Pisa Mover: trem que liga o aeroporto a estação de Pisa Centrale em 5 minutos. O bilhete custa € 2,70 (€ 1,20 nos domingos e feriados) por cada trecho. O serviço está disponível todos os dias das 6 da manhã até meia noite.

Tem uma parada intermediária (San Giusto Aurelia) em um estacionamento que os italianos chamam de “parcheggio scambiatore” na Via di Goletta Navicelli.

Só a título de curiosidade… Os “parcheggi scambiatori” vêm se espalhando pela Itália nos últimos anos com o objetivo de diminuir os carros na rua e incentivar o uso de transporte público.

Normalmente, você deixa o seu carro gratuitamente nestes estacionamentos e pega um transporte público para chegar no seu destino final*. Estes estacionamentos já estão em diversas cidades italianas como Roma, Veneza, Reggio Emilia, Modena, Parma etc.

*Dependendo da cidade ou do estacionamento pode ser que funcione de alguma forma diferente, por exemplo: pagar o estacionamento e pegar o transporte gratuito ou os dois podem ser gratuitos. 

View this post on Instagram

Pisa being Pisa! People being people 😊

A post shared by Must Share BR (@mustsharebr) on

Como chegar a Florência saindo do Aeroporto de Pisa

Saindo do aeroporto de Pisa até a estação de trem de Florência (Piazzale Montelungo), há duas opções de ônibus (Bilhete € 12 -> 1 hora e 10 minutos de viagem):

  • Ônibus Airport Bus Express: para detalhes sobre horários clique aqui.
  • Sky Bus Lines Caronna: para detalhes sobre horários clique aqui.

Quanto custa subir na torre de Pisa?

O bilhete para subir os 294 degraus (alguns falam 296) da torre custa € 18 e há um máximo de 30 pessoas em cada visita e a cada meia hora. É indicado comprar com antecedência pela internet, principalmente em alta temporada. Você pode fazer isso no site oficial.

O que fazer em Pisa em 1 dia? 

Caso queira visitar os outros monumentos da Piazza dei Miracoli (Batistério, Cemitério e o Museo delle Sinopie), os preços são os seguintes:

  • € 5 -> para visitar apenas 1 monumento
  • € 7 -> para visitar 2 monumentos
  • € 8 -> para visitar os 3 monumentos

A entrada para a Catedral é gratuita nos meses de Janeiro, Fevereiro, Novembro e Dezembro, mas você precisa retirar um bilhete na Piazza dei Miracoli. Para mais detalhes, confira o site oficial. Nos outros meses, a entrada custa € 2.

Outras lugares que vale a pena conhecer em Pisa

Pela cidade também tem vários outros lugares que vale a pena conhecer como:

  • Piazza dei Cavalieri (Palazzo dell’Orologio e a Torre della Fame) 
  • Igreja San Zeno
  • Igreja Santa Catalina de Alejandria 
  • Parque Tenuta San Rossore (gratuito)
  • Igreja Santa Maria la Spina (€ 2)
  • Borgo Stretto
  • Giardino Scotto

Minha experiência em Pisa

Ver a torre de Pisa pela primeira vez foi como quando vi o Coliseu, as plantações de girassóis da Toscana ou uma vespa por Roma. Sabe quando você finalmente vê o que só ouvia falar?

Fui tomada por um sentimento indescritível por estar realizando o sonho de conhecer a Itália. Quando vi a torre só consegui fazer uma coisa: sorrir. Eu amei a visita e indico pelo menos um dia na cidade. Vocês vão amar 😉 assim espero! Arriverderci ragazzi.


Gostou do post? Compartilha aí para que mais pessoas tenham acesso 🙂 . Se não quiser perder nossas atualizações, curta a página do facebook, instagram, se inscreve no canal.

No facebook

comentários

By |2017-10-26T11:30:48+00:0026 outubro, 2017|Tags: , , , , |

About the Author:

Bruna Faria, 26, formada em Administração de Empresas pelo Mackenzie. Fez o primeiro intercâmbio aos 17 anos no Texas e o segundo aos 19 no México. Enquanto fazia faculdade na Europa em 2013, teve a idea de criar o Must Share Br (lançado em 2015). Além de produzir conteúdo para o blog, trabalha em uma consultoria especializada em mercado financeiro e hoje mora na Cidade do México. Acompanhem pelo instagram: @brunapfaria

Leave A Comment

Contato

Entre em contato conosco pelo email: contato@mustsharebr.com