Golpe das milhas: o que acontece e como evitar

O Must Share Br é um site com foco em dicas de viagem e inspiração para os leitores. Aqui a gente mostra que viajar é possível, traz benefícios e pode não ser tão caro com o devido planejamento. Porém, tudo nessa vida tem um lado ruim. Viajar pode sair bem caro. Vamos falar sobre o Golpe das Milhas em compras de passagens aéreas.

O que fiz nesse post foi juntar todas as informações que tive acesso, relatos com a experiência de outras pessoas para divulgar a situação. O intuito é alertar os leitores para evitar esse tipo de problema. Ta sonhando com aquela trip e do nada…

Resumo da história do Golpe das Milhas

Durante essa semana, li alguns relatos nos grupos de facebook sobre uma menina que vende passagens aéreas muito mais baratas do que o preço normal. Grande segredo: diz que compra com milhas. Funcionou com uma pessoa, a qual indicou para um amigo que também funcionou. Com recomendações de pessoas que compraram e conseguiram fazer uma viagem, a pessoa foi ganhando a fama de “salvar as pessoas que estão sem dinheiro para viajar” com a venda de passagens aéreas bem em conta.

O contato é feito por WhatsApp e facebook. As pessoas pagam para a menina, ela emite a passagem aérea. Ela “ainda fica acompanhando você pelo WhatsApp até o embarque para garantir que você não vai se atrasar”, segundo relato de uma compradora feliz.

Até aí, tudo bem. Aquele mundo perfeito. Porém, deu errado com uma pessoa. Depois com outra. Aí as histórias começam a se juntar e…

Revelação do Golpe das Milhas 

Os relatos são inúmeros. Não vamos colocar os prints com os nomes para não expor as pessoas que passaram por essa situação. Os trecho abaixo foram retirados das redes sociais.

Trecho do relato de uma vítima do golpe:

“Hora do embarque: fui até o guichê da cia pq fui orientada a pesar a bagagem (uma mochila). Chegando lá, percebo que a funcionária estava tendo algum problema com a minha passagem. Nesse momento meu coração já foi lá no chão. Eu comecei a pensar no que eu teria que fazer pra viajar. Ela chamou seu superior, foram pra uma sala longe de mim e finalmente voltaram. Eis então que esse superior me dá a notícia de que minhas passagens foram canceladas e não existiam mais. Que o valor já havia sido depositado de volta no cartão em que foi efetuada a compra. Entrei em choque! Dei xilique dizendo que aquilo estava completamente errado!

(…)

Cheguei à conclusão de que pagaria mais caro pela passagem mas não perderia minha viagem. (…) Ah, a menina ofereceu outra passagem pro dia seguinte, mas eu já estava de saco cheio de tantos problemas. Já havia perdido um dia das minhas férias porque teria que esperar o próximo vôo. Não queria perder mais! Ok, concordamos que ela devolveria meu dinheiro referente àquela passagem.

Procurei e achei passagens pra Roma por US$1130.00. Ai! E pensar que eu poderia ter pago de US$400 à US$500 que era o preço que eu estava encontrando na época. Ou seja, pelo menos $600 jogados no lixo por causa dessa brincadeira.”

Nesse caso, segundo o relato, a menina devolveu parte do dinheiro, mas não o valor total.

Comentário no relato acima:

Vim aqui contar minha experiência com essa mesma pessoa!!! (…) Comprei uma passagem para o Brasil em junho por 350 dólares. No dia do meu vôo, ela me mandou mensagem dizendo que meu vôo tinha sido cancelado, que seria remarcado p/ o próximo dia. Eu disse “ñ quero pq eu meu avô está na UTI e eu preciso vê-lo”.

Ela disse, “eu já reservei uma passagem na delta mas eu acho q o cartão não passou. Você pode ligar e passar outro cartão meu?” Eu disse “sim”. Liguei na Delta com tds as informações que ela me passou, que na verdade nenhuma informação era dela, nenhum cartão de crédito era dela, achei estranho, mas enfim deu certo a passagem. Embarquei p/ o Brasil. No dia de voltar, a passagem q eu tinha tbm ñ existia mais ??.

Entrei em contato com ela. Me passou 3 cartões diferentes e disse pode comprar sua passagem de volta. Ela me explicou que roubaram as milhas dela e por isso que tds as passagem q ela tinha reservado tinha sido cancelada.

Ok, comprei a passagem td indicava q estava td certo. Quando entrei 24 hrs antes p/ fazer check in SURPRESA: a passagem ñ tinha sido processada, pq sei lá. Chorei a noite toda, 5 da manhã eu acordei pra voltar p/ os EUA mas ñ tinha passagem.

Conclusão: tive q comprar uma passagem de R$ 3009,00 pra voltar. Ela disse: “ok me manda sua passagem que meu banco vai me ressarcir e eu pago vc em 30 dias!” Já vai fazer 4 meses e eu só passo nervoso com essa menina. Ela já inventou tds as mentiras do mundo. Já disse q depositou, mas nunca caiu na minha conta, agora ela deu de ser mau educada e dizer “o problema é na sua conta e ñ na minha”! Ela ñ vai pagar e td mundo sabe disso!”

E mais…

Outro rapaz disse que indicou a menina para diversas pessoas, inclusive para a própria mãe. A menina efetuou a compra de 12 passagens com 12 cartões diferentes e todas as passagens aéreas foram canceladas posteriormente.

Segundo os relatos, a suposta estelionatária deu diversas razões para conseguir comprar passagens mais baratas: namorado que trabalha em companhia aéreas, compra de um carro que gerou milhas ou também pai/ mãe/ tia que gastam muito no cartão tinham muitas milhas acumuladas. Por aí vai…

“Ela sempre pareceu muito simpática e honesta. Jamais imaginei”, em outro comentário no mesmo post.

Como funciona o Golpe das Milhas e por que é perigoso para quem compra 

Mesmo sem saber do golpe, a pessoa que tenta embarcar com a passagem pode se ferrar ainda mais. Outro trecho retirado do grupo:

Aparentemente a forma como ela ‘trabalha’ é assim: ela compra sua passagem no cartão de crédito, tudo certo. Dai, no dia do seu embarque ela fica acompanhando pelo Whatsapp e no momento em que você embarca ela liga na companhia aérea e diz que houve algum equívoco, pois ela não comprou aquela passagem e cancela.

Dai, o que acontece? Em alguns casos a pessoa já está dentro do avião e acaba embarcando. O dono do esquema faz uma grana e você viaja, pois, depois que fecham a porta do avião, ninguém pode entrar ou sair.

Em outros casos (quando o embarque ainda não foi finalizado), a pessoa é forçada a sair do avião. Muitas vezes, nem chega a embarcar, sofre uma humilhação tremenda, é acusada de golpear a companhia e ainda acaba tendo que comprar uma passagem nova no dia para não perder a viagem, ou seja, gasta bem mais do que o esperado ao invés de economizar.

Não sabemos de fato se é exatamente assim que funciona, mas todos os relatos tiveram algo em comum: a companhia área acusa o passageiro de fraude/clonagem de cartão.

Como evitar o golpe das Milhas?

Simples: ta muito fácil, muito maravilhoso, muito BARATO, muito perfect? Sai que é cilada. Além disso, não confie em pessoas que você apenas conhece pelas redes sociais. Não dá para saber quem é simpático e honesto por chat.

O maior problema desse golpe é que como deu certo com algum amigo ou parente, pessoas de confiança também indicam e incentivam a prática, muitas vezes sem saber do tamanho do problema.

Resumindo gente…

Vamos usar várias frases prontas. Aquelas bem clichês que representam demais nossa vida.

  1. Quando a esmola é demais, o santo desconfia.
  2. Se tem nariz de porco, orelha de porco, rabinho de porco, faz barulho de porco: É PORCO.
  3. O barato sai caro.

Falaram que não sabem se a menina em questão está dando golpe ou não. Como eu disse, é porco né?! Outra coisa lamentável… mesmo sabendo do golpe, algumas pessoas defenderam a menina: “Se deu certo, então ok.” ou “Só alguns casos dão errado. Pelo preço que ela vende, vale o risco.”

Para quem tem esse pensamento eu só digo uma coisa: o errado não deixa de ser errado só porque te beneficia. Não vem reclamar do Brasil, reclamar de política e dizer que quer morar em outro país onde as coisas funcionam se você tem atitudes e pensamentos como esses (fica a dica de leitura aqui). Não compactuem com esse tipo de esquema que por sinal é ilegal. Isso te torna cúmplice! E se falar que não acha ilegal “comprar uma passagem aérea” proveniente sei lá de onde, vamos parar para refletir: imoral é tão melhor do que ilegal?

Obviamente, não existe apenas 1 pessoa que aplica esse golpe no Brasil. Encontrei matérias de 2014 falando sobre o assunto. Eu nunca tinha ouvido falar, por isso achei importante divulgar.

Por fim, muitas pessoas estão reunindo provas e foram atrás de seus direitos. Não dá para querer dar de esperto, passando os outros para trás eternamente né? Aos demais, fiquem atentos. Paz.

Update: recentemente a Gabriela Pugliesi publicou em seu perfil do instagram que foi vítima e caiu em um golpe comprando passagens aéreas de uma pessoa. Se até ela que é conhecida é alvo dessas pessoas, imagina nós. Compartilhem esse artigo para que outras pessoas se informem também.

Leia também no blog:

Outros artigos na internet sobre o Golpe das Milhas:

No facebook

comentários

By |2018-01-08T13:33:23+00:0010 novembro, 2017|Tags: , , |

About the Author:

Camila Faria, 26, mackenzista formada em Administração de Empresas com pós graduação em Controladoria de Empresas pela FIA. Fez o primeiro intercâmbio aos 17 anos e criou o site em 2013, durante o ano em que fez faculdade na Europa. Para se dedicar ao Must Share Br, saiu do trabalho na área de finanças em São Paulo e hoje mora nos Estados Unidos. Acompanhem pelo instagram: @milafaria

Leave A Comment

Contato

Entre em contato conosco pelo email: contato@mustsharebr.com